Na atualidade, ter graduação e pós-graduação não é o suficiente para conseguir uma boa posição no mercado de trabalho e ter uma carreira de destaque. O domínio de uma segunda língua é primordial aos que querem se destacar e isso ajuda também na melhor remuneração. Pesquisa da Catho apontou que profissionais com fluência no inglês ganham até 61% a mais que os demais profissionais.

Mesmo com todas as dificuldades enfrentadas pelo País, ainda existem um número significativo de áreas em que seguir carreira ainda é promissor, mas o profissional deve ficar atento ao domínio da língua inglesa. Aos que ainda não se decidiram por qual área seguir, o diretor da rede de idiomas English Talk, César Lucchesi, elencou as 10 áreas promissoras em um futuro não tão distante.

1 – TI e Tecnologia

A área está em diversas listas como uma das que mais contratarão nos próximos anos e o inglês é fundamental para crescer, além de grande parte do conteúdo produzido sobre o assunto estar nesse idioma. O salário mensal desta colocação varia de R$ 1,5 mil para quem está começando a R$40 mil aos profissionais mais experientes, de acordo com a Consultoria Robert Half.

2 – Administração

A globalização exige profissionais da área administrativa que saibam falar inglês, para facilitar negociações com empresas e fornecedores estrangeiros, por exemplo. Segundo o Conselho Nacional de Administração (CNA), a remuneração de um administrador varia de R$3 mil a R$6 mil.

3 – Marketing

Outro setor em crescimento recentemente, a área de marketing é uma das que mais apontam para a necessidade de dominar o idioma. Nesta área, o salário varia de R$ 1,2 mil a R$12 mil, de acordo com a pesquisa do site Catho.

4 – Turismo

O número de turistas estrangeiros que vem ao Brasil cresceu nos últimos anos, após a realização de grandes eventos que trouxeram maior visibilidade internacional ao País. Para atender a essa demanda, o mercado carece de profissionais da área de turismo que dominem a língua inglesa. Aos profissionais iniciantes a faixa de remuneração é a partir de R$ 2,5mil, mas ao longo dos anos é possível receber até R$ 17 mil, segundo a Catho.

5 – Comércio Exterior

O Brasil é um grande exportador de produtos agrícolas, e muitas empresas daqui também realizam transações de importação com fornecedores internacionais, para atuar na área de comércio exterior, inglês é exigência básica. Já nesta área, no início da jornada é possível receber de R$ 2 a 5 mil.

6 – Contabilidade

Segundo o levantamento da Wyser, empresa especializada em recrutamento e seleção, o setor tem registrado crescimento mesmo em tempos de crise e quem tiver essa habilidade deve se destacar e crescer na profissão. De acordo com a Consultoria Robert Half, a remuneração desta área varia de R$ 2,5 a R$ 20 mil.

7 – Mídias sociais

Atualmente, as empresas sabem da importância de possuir uma boa imagem em suas redes sociais e buscam profissionais para auxiliá-las nesse processo. Essa é uma das áreas em que falar inglês é obrigatório. O salário da profissão do século 21 varia entre R$1,5 mil a R$ 3 mil no início da vida profissional, segundo a pesquisa salarial Brandi.

8 – Engenharia

Por ser uma área que realiza muito contato com empresas internacionais, o mercado de engenharia tem buscado por profissionais com domínio completo de inglês. Recente pesquisa realizada pela Consultoria Internacional Payscale, o engenheiro pode receber em média de R$1,5 mil no estágio e até R$18 mil mensais, em cargo de diretoria.

9 – Desenvolvimento Web e de apps

Uma das habilidades necessárias para quem quer atuar no setor de desenvolvimento para web e de aplicativos é a fluência na língua inglesa. Nesta área, o salário varia de R$1,2 mil a R$14 mil, de acordo com a pesquisa da Consultoria Robert Half.

10 – Relações internacionais

O próprio nome dessa carreira indica que para conseguir colocação na área o profissional deve possuir domínio da língua inglesa. O profissional inicia a jornada com uma remuneração de R$1,2 mil e no auge da carreira pode alcançar até R$20 mil.

Fonte: Brasil Econômico